Minhas três Princesas

Lilypie Kids Birthday tickersLilypie Second Birthday tickers

Pesquisar este blog

domingo, 22 de agosto de 2010

Dindos e dindas de sobra

Oi gente...

Essa noite foi bem especial... mas vamos começar essa história pelo nascimento da Helena para todo mundo entender tudo direitinho.

Quando a Helena nasceu, queríamos que os padrinhos fossem duas pessoas especiais para nós mas não necessariamente casados entre si pois hoje em dia muita gente acaba se separando e se afastando e não queríamos isso. Então escolhemos meu irmão e uma amiga minha do colégio (e que se dá muito bem com o Marlon também). Ocorre que, como a Luciana é casado e meu irmão tá namorando bem firme, Helena ficou com dois casais de padrinhos super presentes.

Ficamos muito felizes com isso e agora coma Flora e a Iris resolvemos repetir a dose... havia muita gente a homenagear e resolvemos que todas as nossas filhas terão dois casais de padrinhos. Desta vez serão os dois irmãos e a irmã do Marlon (ele ainda não avisou aos irmãos, viu... não vão espalhar por aí, hein?) E dois casais de amigos muito queridos que fizemos aqui em Cuiabá.

São quatro pessoas muito especiais e que me socorreram durante todas as dificuldades que enfrentamos durante a gravidez, ou seja, já cuidavam das duas antes mesmo delas nascerem.

Então hoje demos um jantar para eles e os convidamos. Convites devidamente aceitos, agora somos uma enorme família unida por laços de afeto.

Em setembro a dinda da Helena vem visitar... aí quero fazer uma foto de cada um com sua afilhada... vai ser legal, né?

Beijinhos

Renata Bermudez Konzen
http://sosseguinho.blogspot.com
(65) 4052-9920
(65) 8112-9799
(48) 4052-9196

3 comentários:

Bia disse...

Ai que bacana.. padrinhos são uma coisa pra se escolher muito bem mesmo. Infelizmente escolhemos um casal de amigos pra apadrinhar o Nicolas que depois se afastaram e agora ele quase não os vê. Se arrependimento matasse.. =/

Fiquei tao traumatizada q nem escolhi pra Camila ainda.

Beijoo

Renata Auxiliadora disse...

Ai Renata eu estou achando tão dificil escolher os padrinhos da Bruna. Minha mãe não escolheu nenhum padrinho para os filhos que fosse realmente padrinhos... eu queria alguem presente, por isso prefiro algum familiar, já meu marido não se importa em chamar amigos... estamos no maior dilema.
Abraços
Renata
http://diariodarenata.wordpress.com/

Flavia disse...

Só de ler esta parte já chorei de novo, assim como no dia em que você nos convidou para padrinhos da Íris. É uma emoção imensa fazer parte desta família unida por afeto (muito afeto mesmo). Amo vocês 5!!!!!
Beijos
Flavia